FACIAL

Endermologia

A endermologia, ou vacuoterapia, é uma massagem profunda obtida a partir da associação de vácuo (também chamado de pressão negativa), gerado por uma bomba, com manobras de massagem feitas com a técnica de "rolamento" (uma pressão positiva), propiciada por ventosas ou cabeçotes adequados.
 

É indicado para:

- Celulite
- Flacidez

Fios de sustentação tecidual para fins estéticos

Utilização de biomateriais absorvíveis com o objetivo de fornecer suporte ao tecido tratado, com indicações para redefinição do contorno facial, recuperação de volume e redução de rugas. Os fios de sutura para fins estéticos utilizados pelo Biomédico habilitado devem ser absorvíveis, hipoalergénicos, biocompatíveis, estéreis, de uso único e individual, devidamente aprovados pela ANVISA, sendo vedada a utilização de fios de sutura definidos como permanentes ou definitivos.


É indicado para:
-  Queda  da  pele  do  terço  médio da face, da linha  mandibular e do supercilio
- Flacidez  da pele do pescoço
- Perda do volume malar

 
 

Mesoterapia/Intradermoterapia

Consiste na aplicação intradérmica de substâncias para fins estéticos. É permitido ao profissional biomédico a aplicação da técnica exclusivamente para fins estéticos. A associação entre as diferentes substâncias deve se dar de maneira segura e baseada em dados da literatura e de acordo com as indicações dos laboratórios de manipulação. De acordo com a resolução 241 do CFBm é permitido a prescrição e utilização de substâncias eutróficas, venotróficas e lipolíticas. É grande a lista de substâncias utilizadas e a combinação das mesmas deve ser feita por profissional habilitado para que se atinja o resultado esperado.
 

É indicado para:
- Tratamento de Flacidez tecidual
- Gordura Localizada e emagrecimento
- Celulite
- Estria
- Alopecia (queda capilar)

 

Microagulhamento

O microagulhamento, ou indução percutânea de colágeno compõem técnica percutânea que se utiliza de diversas perfurações na pele com microagulhas para indução da formação de colágeno, na chamada indução percutânea de colágeno. São utilizados dispositivos com aprovação da ANVISA.


É indicado para:
- Rejuvenescimento Facial
- Flacidez tecidual
- Alopecia (queda capilar)
- Estrias

 

Peelings Mecânicos (de cristal e diamante)

O peeling de diamante, também conhecido como micodermoabrasãoé um procedimento simples e seguro, em que a superfície da pele é esfoliada com partículas ásperas de óxido de alumínio ou cristais de cloreto de sódio. O princípio envolvido na microdermoabrasão é um trauma superficial na pele, que prejudica levemente a barreira cutânea, mas não deixa marcas e a recuperação total ocorre em 24hs. Ocorre ainda, estímulo aos fibroblastos para produzirem colágeno.


É indicado para:
- Tratamento de Acne e Higienização da Pele
- Rejuvenescimento Facial
- Estrias
- Acne e Oleosidade de pele

 

Peelings Químicos

Os peelings químicos são usados para tratar as alterações associadas ao fotoenvelhecimento, tais como rítides e discromias. A utilização de peelings para tratar o envelhecimento é bem estabelecida na comunidade científica, tornando-o um método seguro. O biomédico esteta pode realizar peeling médios (cheguem no máximo até a derme papilar). De acordo com o art. 6o da resolução 241 do CFBm Formulações magistrais e de referência de peelings químicos, enzimáticos e biológicos, incluindo a Tretinoína (Ácido retinoico de 0,01 à 0,5% de uso domiciliar e até 10% para uso exclusivo em clínica) seguindo instruções da ANVISA. 


É indicado para:
- Rejuvenescimento Facial
- Estrias

 

O uso de substâncias para preenchimentos faciais pelo profissional biomédico deve ser realizada com substâncias semi-permanentes aprovadas pela ANVISA (substâncias reabsorvíveis), tais como o ácido hialurônico, hidroxiapatita de cálcio e ácido poli-L-lactico (Sculptra®), para correções de perdas volumétricas.


É indicado para:
- Rejuvenescimento Facial
- Correção de perdas volumétricas 

Preenchimentos semi permanentes

 

Radiofrequência

O procedimento com Radiofrequência promove um efeito de lifting não ablativo do tecido. Trata-se de um procedimento aprovado pelo FDA e ANVISA, como tratamento não invasivo de flacidez e rugas. O mecanismo de ação é a contração imediata das fibras de colágeno existentes e resposta retardada da lesão promovida na derme, que resulta na neocolagênese por estímulo dos fibroblastos. Além da radiofrequência, o profissional biomédico habilitado embiomedicina estética poderá utilizar outros recursos de eletroterapia, iontoforese (biotecnologias para fins estéticos).


É indicado para:
- Flacidez tecidual
- Rejuvenescimento da pele

 

Skin Booster (hidratação intensa)

O Skin Booster é um tratamento de rejuvenescimento da pele. Consiste na aplicação do ácido hialurônico – também utilizado para preenchimento – mas não com essa função de preenchimento. O Skin Booster promove a formação de uma rede de ácido hialurônico que melhora a sustentação da pele e atrai muita água para esse tecido. Há um ganho de brilho e estímulo de colágeno na região aplicada.


É indicado para:
- Rugas e linhas finas do rosto
- Melhora o efeito da toxina, naquelas linhas mais resistentes.
- Pele sem viço, sem brilho.
- Pele do rosto desidratada.
- Pele jovem, na prevenção.
- Pele madura, na reposição da água perdida.

 
 

Toxina botulínica tipo A

A toxina botulínica tipo A (BoNT) é produzida pelo Clostridium botulinum e age inibindo a exocitose da acetilcolina dos terminais nervosos motores, levando ao relaxamento da musculatura nas regiões de aplicação. O objetivo deste procedimento estético é a atenuação das linhas faciais de expressão, provenientes da contração da musculatura (mímica facial).


É indicado o uso de Toxina botulínica para:
- Rejuvenescimento Facial


De acordo com o art. 5o da resolução 241 do CFBm o profissional biomédico esteta pode realizar a prescrição e utilização desta substância para fins estéticos